Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço independente (sem patrocínios ou monetização digital) pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

23 de dezembro de 2022

Minoritários da empresa fedida de Camaçari ganham presente de Natal.

 

E que presente !!!


E o cheiro ruim não é culpa do eteno. Por conta do uso da Cia. pelo acionista controlador para o pagamento de propina, a empresa fez um acordo de US$ 3 milhões para se livrar de uma ação coletiva nos EUA. Dinheiro que sai do bolso dos minoritários para cobrir “atos não republicanos” cujas consequências deveriam recair somente sobre o acionista controlador e os subservientes “executivos” (
https://exame.com/invest/mercados/braskem-faz-acordo-de-us-3-milhoes-para-encerrar-acao-coletiva-nos-eua/).


E o mercado aplaude... Deram uma maquiada no Conselho de Administração e ficou tudo limpinho novamente.


Vocês sabem dizer se algum membro da quadrilha de “executivos” já foi inabilitado pelo Xerife? E o Conselho de Administração da época será processado pelo menos por falta de diligência? E os auditores externos, nenhum puxão de orelha? Cegueira generalizada?


Isso é o que eu chamo de sustentabilidade. Se juntar com o “evento geológico” e seus efeitos financeiros a empresa está garantida no ISE e no Ibovespa até a próxima Copa, com direito a prêmios ESG.


Abraços fraternos e um Feliz Natal a todos,

Renato Chaves


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.