Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço independente (sem patrocínios ou monetização digital) pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

31 de janeiro de 2021

O Xerife está ficando sem munição?

 


Como se já não bastasse a ameaça de um reforma da Lei 6404 “goela abaixo”, por intermédio de Medida Provisória, agora vemos o orçamento da CVM minguar ano após ano, como nos mostra a reportagem de João José Oliveira no portal UOL (https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2021/01/23/vigia-do-mercado-busca-tenta-correr-atras-da-explosao-da-bolsa.htm).


Isso na contramão do crescimento do mercado, que triplicou de 2014 para 2019, enquanto o orçamento da CVM caiu de R$ 61 milhões em 2014 para R$ 30,5 milhões. Instalações espartanas, e pior, com uma redução do número de funcionários. Como fica o desafio de fiscalizar as redes sociais? Vale lembrar que somente o grupo “short squeeze IRB” no Telegram tem 20 mil membros !!!


Parece que o enxugamento de órgãos técnicos virou política de Estado, algo irresponsável, especialmente se considerarmos o aumento significativo do número de pessoas físicas investindo no mercado de ações – um salto de pouco mais de 500 mil em 2015 para mais de 3 milhões de CPFs em 2020.


Estado mínimo não pode ser Estado zero.


Abraços fraternos,

Renato Chaves

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.