Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço independente (sem patrocínios ou monetização digital) pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

4 de setembro de 2020

A farra da remuneração nos conselhos de administração.

 

Tudo começa na boa fé, geralmente no bucólico mês de abril, quando o investidor aprova a verba global de remuneração dos administradores na AGO. Depois ele se esquece do assunto, fica deitado em berço esplendido, em sono profundo, e nem nota que boa parte da verba global aprovada na AGO foi parar o bolso do acionista controlador, na figura do presidente do conselho de administração.

Tem conflito de interesse e o xerife não vê porque não sai no noticiário? Claro que tem, afinal boa parte desses acionistas controladores aprovam a verba global na AGO e depois votam nos conselhos, destinando a maior fatia do bolo para o próprio bolso.

E aqui no Blog da Governança tem números que você não vê em nenhum outro lugar. Confesso que me assustei com os resultados; com diferenças de remuneração dentro dos conselhos chegando a abissais 40.000% (!!!) corri para rever a planilha, mas estava tudo certo. Certamente a falante associação de controladores e as empresas vão espernear, com alegações do tipo “meu presidente de conselho é diferente, ele recebe pagamento em ações, bônus, PLR, ILP, morangos silvestres, caquinhas do louro Josué, etc.” e “esse presidente de conselho é um verdadeiro Messi e merece ganhar muuuuuuito mais que os demais conselheiros, mesmo que a lei não faça distinção”, mas não adianta, está tudo lá nos formulários de referência, com o polêmico item 13.11 revelando as maiores e as menores remunerações dentro dos conselhos de administração (números do ano de 2019).

Parodiando o falecido jornalista Ricardo Boechat: tirem as crianças da frente da tela do computador, pois alguns números beiram a imoralidade. Arrumarei alguns desafetos, mas ouvi em alguma dessas palestras “motivacionais” que, se você está preocupado em agradar a todos, deveria trabalhar no receptivo dos parques da Disney.

Infelizmente tem empresa que bate no peito afirmando ser modelo de governança, o “ó do bobó” do ESG, mas não divulga remuneração usando o escudo da categoria B: vergonhoso para quem está no Ibovespa. Aproveitem os números e reclamem (destaque para diferenças acima de 500%), deem trabalho para os nossos queridos RIs, afinal quem paga a farra de alguns presidentes de conselho é você, querido leitor/investidor.

EMPRESA

Maior remuneração Cadm

Menor remuneração Cadm

diferença

AMBEV S/A

R$ 9.036.710,50

 R$       299.839,45

2914%

AZUL

R$ 11.460.067,00

 R$            28.000,00

40829%

B3

R$ 3.479.644,48

 R$         304.000,00

1045%

BRASIL

R$  65.230,23

 R$          30.119,43

117%

BRADESCO

R$  33.840.240,00

 R$   21.127.650,00

60%

BBSEGURIDADE

R$  86.629,96

 R$          86.629,96

0%

MINERVA

R$ 1.671.382,94

 R$      360.000,00

364%

BTGP BANCO

R$           4.800.000,00

 R$          251.918,75

1805%

BRADESPAR

R$            144.000,00

 R$ 144.000,00

0%

PETROBRAS BR

R$             173.558,09

 R$         173.558,09

0%

BRF SA

R$           9.745.064,17

 R$          480.000,00

1930%

BRASKEM

R$          2.804.920,00

 R         823.600,00

241%

BR MALLS PAR

R$            684.100,00

 R$        424.904,00

61%

B2W DIGITAL

R$             180.000,00

 R$         180.000,00

0%

CCR SA

R$           1.285.504,00

 R$     475.996,00

170%

CIELO

R$             734.400,00

 R$            84.000,00

774%

CEMIG

R$             325.750,45

 R$       267.161,18

22%

COGNA ON

R$          1.397.629,14

 R$      671.044,92

108%

CPFL ENERGIA

R$            310.000,00

 R$       166.000,00

87%

CARREFOUR/Atacadão

R$            755.100,00

 R$        695.100,00

9%

COSAN

R$          1.332.000,00

 R$      259.200,00

414%

SID NACIONAL

R$            475.200,00

 R$       259.200,00

83%

CVC BRASIL 2018

R$              432.000,00

 R$       387.000,00

12%

CYRELA REALT

R$           3.351.942,00

 R$        243.636,02

1276%

ECORODOVIAS INFRA

R$             535.603,34

 R$      281.230,91

90%

ENGIE BRASIL

R$         2.718.153,03

 R$     166.304,42

1534%

ELETROBRAS

R$           470.047,44

 R$       65.284,32

620%

EMBRAER

R$         2.455.200,00

 R$     379.970,00

546%

ENERGIAS BR

R$           430.200,00

 R$     179.820,00

139%

ENERGISA

R$            282.581,15

 R$       68.728,34

311%

EQUATORIAL

R$         1.105.434,00

 R$      216.000,00

412%

FLEURY

R$           938.564,00

 R$     546.072,00

72%

GERDAU

R$          8.491.693,00

 R$     615.719,00

1279%

INTERMEDICA

R$          207.600,00

 R$       40.000,00

419%

GERDAU MET

R$           437.400,00

 R$       91.354,00

379%

GOL

R$           649.133,20

 R$       67.294,80

865%

HAPVIDA

R$         2.809.294,71

 R$      189.900,00

1379%

CIA HERING

R$               1.018,73

 R$           273,02

273%

HYPERA

R$            372.000,00

 R$     372.000,00

0%

IGUATEMI

R$           432.000,00

 R$       72.000,00

500%

IRBBRASIL RE

R$         1.249.500,00

 R$      378.425,00

230%

ITAUSA

R$            892.705,00

 R$     605.000,00

48%

ITAUUNIBANCO

R$       14.560.000,00

 R$   2.643.000,00

451%

JBS

R$         1.080.000,00

 R$       568.755,51

90%

KLABIN S/A

R$         1.311.753,08

 R$  1.076.227,81

22%

LOJAS AMERIC

R$          390.543,00

 R$      147.761,00

164%

LOJAS RENNER

R$           847.800,00

 R$      533.000,00

59%

MAGAZ LUIZA

R$        1.886.400,00

 R$      374.400,00

404%

MARFRIG

R$         2.229.453,81

 R$     446.400,00

399%

MRV

R$          8.758.969,00

 R$     240.000,00

3550%

MULTIPLAN

R$            600.000,00

 R$     300.000,00

100%

GRUPO NATURA

sem informações

 sem informações

#VALOR!

P.ACUCAR-CBD

R$       33.222.858,90

 R$      176.400,00

18734%

PETROBRAS

R$           173.558,09

 R$      173.558,09

0%

QUALICORP

R$          3.164.434,00

 R$       58.800,00

5282%

RAIADROGASIL

R$         1.566.579,00

 R$     423.010,00

270%

RUMO S.A.

R$         1.333.000,00

 R$     158.400,00

742%

LOCALIZA

R$         3.904.000,00

 R$  1.350.000,00

189%

SANTANDER BR

R$          1.752.022,72

 R$     769.131,80

128%

SABESP

R$            204.937,05

 R$     121.423,20

69%

SUL AMERICA

R$         1.424.667,60

 R$     392.928,00

263%

SUZANO S.A.

R$         8.579.582,35

 R$     641.280,00

1238%

TAESA

R$           233.568,00

 R$      116.784,00

100%

TIM PART S/A

R$            936.000,00

 R$       75.000,00

1148%

TOTVS

R$          2.520.790,65

 R$     387.581,55

550%

ULTRAPAR

R$          2.088.720,00

 R$         747.960,00

179%

USIMINAS

R$            841.301,65

 R$      287.932,32

192%

VALE

R$        1.224.000,00

 R$     540.000,00

127%

TELEF BRASIL

R$           508.496,44

 R$     454.014,72

12%

VIAVAREJO

R$         1.094.880,00

 R$      516.600,00

112%

WEG

R$         1.359.368,80

 R$     417.902,29

225%

YDUQS PART

R$           864.000,00

 R$      576.000,00

50%

Abraços fraternos,

Renato Chaves

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.