Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

16 de abril de 2016

Executivos ganham mais que companhias.

Calma minha gente. Não se trata de mais um grito no Deserto do Atacama do blogueiro carioca para suportar um chamamento à revolução dos investidores.

Estou simplesmente reproduzindo a manchete de matéria publicada no jornal Valor (dia 07/4/16 – página B2) que apresentou um detalhado estudo realizado por PwC/Fundação Getúlio Vargas com números assustadores: a maioria das empresas analisadas (76%) não registrou geração de valor e teve queda no lucro líquido, mas com aumento das remunerações fixa e variável de executivos. Traduzindo em bom português: farinha pouca meu pirão primeiro.

O argumento fajuto de que a transparência sobre a remuneração pode comprometer a segurança de executivos também é refutado na matéria.

Somam-se a esse estudo as relações igualmente assustadoras entre remuneração, ROL e EBITDA publicadas aqui no Blog e temos argumentos mais do que suficientes para suportar o voto contrário às propostas de remuneração nas assembleias da grande maioria das empresas listadas. A empresa não é transparente? Voto contra na assembleia.

Nunca é demais lembrar a lista das maiores empresas listadas que escondem covardemente informações sobre remuneração:

1.   Alpargatas
2.   B2w
3.   Brmalls
4.   Bradesco
5.   Bradespar
6.   Braskem
7.   CCR
8.   Cielo
9.   Cosan
10.              CPFL
11.              CSN
12.              Duratex
13.              Embraer
14.              Even
15.              Fibria
16.              Gerdau
17.              Gol
18.              Iguatemi
19.              Itau
20.              Itausa
21.              Kroton
22.              Lojas Americanas
23.              Metalúrgica Gerdau
24.              Minerva
25.              Multiplus
26.              Oi
27.              Pão de açúcar 
28.              Rumo
29.              Santander
30.              Suzano
31.              Telefonica
32.              Tim
33.              Vale
34.              Via Varejo

ACORDA INVESTIDOR, você está sendo enganado.

Abraços a todos,

Renato Chaves

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.