Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

24 de abril de 2011

Quero saber o que estão fazendo com o meu dinheiro: a lição da Dna. Annita e da Natura.

A Natura repetiu a dose de bom senso, convidando seus acionistas para um encontro “cara a cara” com o CEO e os co-presidentes do conselho de administração.

Com uma singela afirmação – quero saber o que estão fazendo com o meu dinheiro – uma acionista minoritária da Natura traduziu em poucas palavras o que todo investidor deve pensar, mas não tem a oportunidade de falar para o CEO da empresa onde investe. E os desdobramentos do evento, relatados na matéria “Questionada por acionistas, Natura revela estratégias” (publicada em 11/04/2011 no jornal Valor Econômico), nos revelam o quanto o conjunto de acionistas ganha quando essa interação acontece.

A oportunidade oferecida pela Natura, ainda que o encontro com os administradores tenha ocorrido em evento apartado da assembleia, reforça a tese de que os investidores, quando incentivados a interagir com os executivos, comparecem e adotam uma postura construtiva - o que chamo de ativismo participativo. E se tornam propagadores gratuitos da ação; afinal, qual o brasileiro que não gosta de compartilhar com os amigos as ótimas férias em Itacaré, que saiu com uma menina bonita (ou rapaz), que o filho foi campeão no torneio de tênis.... e que fez um bom investimento.

Não é à toa que o exemplo já começa a ser seguido, conforme matéria do jornal Valor do dia 30/3: “SulAmérica tenta atrair acionistas para assembleia”. E é sempre bom lembrar o exemplo das freiras na assembleia da GE de 2000, relatado no livro “Os novos capitalistas” e já comentado aqui no Blog (postagem do dia 23/1/2011 – Quando uma assembleia ajuda a criar um novo negócio... O caso da GE).

E aí, o CEO da empresa onde você é conselheiro ou investe vai aparecer na assembleia? Ou vai continuar sentado em seu escritório, no conforto de sua cadeira Aeron Chair de última geração, limitado a participar de áudio-conferências com analistas?

Um comentário:

  1. Meu Caro Renato Chaves,
    Parabéns pela apresentação no Fórum do IBGC sobre a relação do Conselheiros com os Acionistas.
    VAle ressaltar:
    Conselheiro Laranja X Conselheiro Banana.
    Pacifismo exarcerbado (busca infinita de consenso)
    Low Profile Plus+

    ABS
    @govercorp

    ResponderExcluir

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.