Boas-vindas

Caro visitante,
A proposta do Blog da Governança é estimular o livre debate em torno de tópicos atuais relacionados com o tema Governança Corporativa.
Fiel ao compromisso com a transparência, o espaço pretende também funcionar como um fórum de estímulo ao ativismo societário (ou ativismo participativo), com foco na regulação para as empresas de capital aberto.

3 de setembro de 2016

Evolução dos segmentos especiais de listagem: a hora da verdade.

Vai chegando o prazo para o encaminhamento de comentários à proposta da BM&FBovespa (até 09/set em novomercado@bvmf.com.br) para evolução dos segmentos diferenciados de listagem e as posições antagônicas ficam cada vez mais claras.

Temas polêmicos como free float, percentual de independentes nos conselhos de administração, aquisição de participação relevante e a divulgação de remuneração (sem o uso da famigerada liminar que afronta a CVM) colocam em campos contrários entidades do mercado.

De um lado a ABRASCA, contrária às mudanças, como se pode concluir dos pronunciamentos de seus representantes (Revista RI de agosto/16 e artigo no jornal Valor de 03/08/16 – Delírio Regulatório): classifica o princípio “uma ação um voto” como sendo algo isolado, que não encontra acolhida em mercados desenvolvidos como o norte-americano e o inglês, além de questionar o aumento do percentual de conselheiros “independentes”. Prêmio de 100% para PNs em casos de alienação de controle? Nem pensar !!!

Do outro lado, as entidades que veem uma oportunidade de aprimoramento das regras, trazendo mais segurança para os investidores: AMEC, IBGC e APIMEC, entre outras.

Parece fácil escolher entre a evolução e o atraso.

A hora é essa: que venham as mudanças.

Abraços a todos,

Renato Chaves

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro visitante, apesar da ferramenta de postagem permitir o perfil "comentário anônimo", o ideal é que seja feita a identificação pelo menos com o 1º nome. A postagem não é automática, pois é feita uma avaliação para evitar spams. Agradeço desde já a sua compreensão.